7
0,63
11
B3

Artigos Recentes

Capacitação em extração, perfusão e acondicionamento de órgãos para transplantes: perfil dos profissionais e análise de aprendizagem pós-curso

Juliana Guareschi dos Santos ORCID logo , Veronica Schonfeld Gomes Silva ORCID logo , Luciana Cintra ORCID logo , Cassiane Dezoti da Fonseca ORCID logo , Luciana Carvalho Moura Tralli ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019AO4445

RESUMO Objetivo Conhecer o perfil dos profissionais que atuam em captação de órgãos e analisar o resultado da aprendizagem daqueles treinados antes e após o curso de extração, perfusão e acondicionamento de órgãos para transplantes. Métodos Estudo retroprospectivo, quantitativo, analítico-descritivo do Curso de Extração, Perfusão e Acondicionamento de Fígado e Rim, no período de 2012 a 2014. Utilizaram-se o pré e o pós-teste estruturado em dez questões, que avaliaram o conhecimento sobre captação de órgãos. A associação do conhecimento com […]

Desenvolvimento e validação clínica de equipamento para medida de pressão arterial não invasiva, batimento a batimento, comparado ao de pressão arterial invasiva durante procedimentos de angiocoronariografia

Melania Aparecida Borges ORCID logo , Marcelo Prado ORCID logo , Tales Roberto de Souza Santini ORCID logo , Adriano Henrique Pereira Barbosa ORCID logo , Antonio Carlos Moreira ORCID logo , Eder Issao Ishibe ORCID logo , [...]

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019AO4156

RESUMO Objetivo Desenvolver e validar um equipamento para monitorização de pressão arterial batimento a batimento, durante a realização de coronariografia, e comparar com as medidas de pressão arterial invasiva obtidas. Métodos Foram selecionados 28 pacientes com indicação de estudo hemodinâmico, que permaneceram em decúbito dorsal horizontal e, antes do início da coronariografia, foram orientados quanto ao uso da pulseira radial esquerda para monitorização da pressão arterial batimento a batimento. Resultados Houve diferença significativa entre o tempo necessário para a equipe […]

Múltiplos neuromas de laringe: um tumor benigno incomum

Altair da Silva Costa Jr. ORCID logo , Iunis Suzuki ORCID logo , Addy Lidvina Mejia Palomino ORCID logo , Marcelo Gervilla Gregorio ORCID logo , Paulo Rogerio Scordamaglio ORCID logo , Marcia Jacomelli ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019AI4465

Paciente do sexo feminino, 66 anos, apresentava queixa de sensação de corpo estranho em faringe, com tosse seca há cerca de 6 meses. Negava disfonia, disfagia ou dispneia. Com a suspeita de refluxo gastresofágico, foi realizado exame endoscópico, que mostrou varias lesões arredondadas, delimitadas, de coloração amarelada, em região posterior da laringe, adjacente às aritenoides ( e ). Realizamos biópsias das lesões ( ), e o anatomopatológico mostrou neoplasia com limites nítidos, constituída por proliferação neural difusa, composta por filetes […]

Resolubilidade do cuidado oftalmológico em um centro de atendimento secundário: abordagem quantitativa

Inês Paula Regina Mainini Oliveira ORCID logo , Silmara Meneguin ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019GS4385

RESUMO Objetivo Avaliar a resolubilidade do cuidado oftalmológico em um centro integrado de saúde. Métodos Trata-se de estudo transversal realizado com 816 pacientes atendidos no período de novembro de 2013 a novembro de 2015. Os dados foram coletados consultando-se o banco de dados institucional e os prontuários. Resultados A maioria dos participantes era não diabética, do sexo feminino, e com Nível Médio de ensino. A principal causa de solicitação de avaliação oftalmológica foi a consulta com o especialista, cujo tempo […]

Estenose congênita da abertura piriforme com megaincisivo central único

Eduardo Kaiser Ururahy Nunes Fonseca ORCID logo , Rodrigo Watanabe Murakoshi ORCID logo , Rafael Maffei Loureiro ORCID logo , Daniel Vaccaro Sumi ORCID logo , Carolina Ribeiro Soares ORCID logo , Regina Lucia Elia Gomes ORCID logo , [...]

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019AI4525

Uma recém-nascida de 15 dias de vida realizou tomografia computadorizada das cavidades paranasais em nosso serviço por conta de suspeita clínica de atresia das coanas, devido a um quadro de obstrução nasal desde seu nascimento. Não possuía outras queixas clínicas. A tomografia computadorizada () permitiu o diagnóstico com segurança de estenose da abertura piriforme, uma causa rara de obstrução nasal em neonatos, descrita pela primeira vez em 1989.() Estenose da abertura piriforme se torna particularmente relevante durante os dois primeiros […]

Hipertrofia idiopática do masseter: a propósito de um caso clínico

Joana Jorge Antunes ORCID logo , Susana Assunção Almeida ORCID logo , Ricardo Miguel Patrício de Carvalho Monteiro ORCID logo , Ana Mafalda Martins ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019AI4506

A hipertrofia idiopática do masseter é uma patologia rara, caracterizada por aumento uni ou bilateral deste músculo, por vezes associada à exostose do ângulo mandibular.() A etiologia é desconhecida, com possível relação com esforços mastigatórios unilaterais, má oclusão dentária, disfunção da articulação temporomandibular, bruxismo ou perturbações emocionais.(,) O diagnóstico é fundamentalmente clínico, complementado com ecografia e eventual recurso à ressonância magnética.() É importante o diagnóstico diferencial com tumores ou processos inflamatórios musculares, ósseos e das glândulas salivares.() Apresenta-se o caso […]

Proteção auricular da água em pacientes com tubo de ventilação em membrana timpânica: ensaio clínico randomizado

Marcel Menon Miyake ORCID logo , Daniela Akemi Tateno ORCID logo , Natália Amaral Cançado ORCID logo , Michelle Menon Miyake ORCID logo , Stefano Tincani ORCID logo , Osmar Mesquita de Sousa Neto ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019AO4423

RESUMO Objetivo Avaliar a incidência de otorreia no período pós-operatório em pacientes submetidos à timpanotomia para colocação de tubo de ventilação e que não realizaram proteção auricular quando expostos à água. Métodos Ensaio clínico controlado, aberto e randomizado. Foram incluídos 80 pacientes submetidos à timpanotomia para colocação de tubo de ventilação unilateral ou bilateral, divididos em dois grupos: Grupo Proteção e Grupo Não Proteção auricular da água durante o banho e as atividades aquáticas. Resultados No primeiro mês pós-operatório, o […]

Análise de custo-efetividade da adição de abiraterona ou quimioterapia ao tratamento do câncer de próstata metastático hormônio-sensível

Pedro Nazareth Aguiar Jr. ORCID logo , Pui San Tan ORCID logo , Sarah Simko ORCID logo , Carmelia Maria Noia Barreto ORCID logo , Bárbara de Souza Gutierres ORCID logo , Auro del Giglio ORCID logo , [...]

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019GS4414

RESUMO Objetivo Avaliar a relação custo-efetividade da adição de quimioterapia ou abiraterona à terapia de privação hormonal. Métodos Um modelo analítico foi desenvolvido para determinar a relação custo-efetividade da adição de docetaxel ou abiraterona comparada à terapia de privação hormonal isolada. Custos diretos e indiretos foram incluídos no modelo. Os efeitos foram expressos em Anos de Vida Ajustados para Qualidade corrigidos pelos efeitos colaterais de cada terapia. Resultados A adição de quimioterapia e de abiraterona à terapia de privação hormonal […]

Por que os biossimilares são tão mais complexos do que os genéricos?

Eduardo Pagani ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019ED4836

As exigências regulatórias para o registro de medicamentos genéricos incluem testes físico-químicos e um ensaio clínico comparativo de biodisponibilidade oral (bioequivalência).() Esse processo demora cerca de 2 anos, custa entre US$1 e 2 milhões e permite reivindicações para todas as indicações aceitas para a droga original. As exigências para biossimilares incluem uma variedade de testes comparativos caros e demorados, e ensaios clínicos de eficácia para cada indicação. Isso leva de 5 a 9 anos e custa mais de US$100 milhões.() […]