111 results

Sarcoma de Kaposi de pênis em paciente HIV negativo

José Francisco Aguilar Guevara ORCID logo , Seila Lacarra Fernández ORCID logo , Oliver Rojas Claros ORCID logo , Pedro Giral Villalta ORCID logo , José Luis Cebrián Lostal ORCID logo , Miguel Angel Resano Abarzuza ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019RC4504

RESUMO O sarcoma de Kaposi é uma doença angioproliferativa que varia de uma lesão cutânea indolente isolada ao envolvimento visceral respiratório e gastrintestinal. É raro em pacientes não imunossuprimidos. Dezenove casos de sarcoma de Kaposi de pênis em pacientes HIV negativos foram relatados em 2012. Descrevemos o caso de um paciente do sexo masculino, 48 anos, sem história pregressa, que se apresentou em nossa clínica urológica com pápula violeta na glande. Os testes de laboratório revelaram sorologia negativa para HIV, […]

Análise clinicopatológica e imuno-histoquímica do carcinoma de células escamosas de células fusiformes da língua: um caso raro

Diego Filipe Bezerra Silva ORCID logo , Hellen Bandeira de Pontes Santos ORCID logo , Jorge Esquiche León ORCID logo , Daliana Queiroga de Castro Gomes ORCID logo , Pollianna Muniz Alves ORCID logo , Cassiano Francisco Weege Nonaka ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019RC4610

RESUMO O carcinoma de células escamosas de células fusiformes da língua, é uma variante rara do carcinoma de células escamosas. Este trabalho relata o caso de um paciente do sexo masculino de 64 anos de idade com carcinoma de células escamosas de células fusiformes da língua. Foi feita uma revisão dos aspectos relacionados a etiopatogenia, características clinicopatológicas e imuno-histoquímicas, além do tratamento dessa neoplasia. O paciente procurou atendimento para avaliação de tumefação dolorosa na língua. O exame extraoral revelou linfonodos […]

Hemangioma de nervo facial em orelha média

Ludmilla Emilia Martins Costa ORCID logo , Rafael Freire de Castro ORCID logo , Fabiolla Maria Martins Costa ORCID logo , Mônica Alcântara de Oliveira Santos ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2018RC4509

RESUMO O hemangioma do nervo facial é um tumor vascular raro e benigno, que corresponde a 0,7% dos tumores intratemporais. Apresentamos o segundo caso descrito na literatura de hemangioma do nervo facial em sua porção timpânica. Paciente de 14 anos, sexo masculino, apresentando hipoacusia progressiva em orelha direita com mímica facial preservada. A audiometria evidenciou perda condutiva moderada à direita. A ressonância magnética demonstrou lesão expansiva, comprometendo o segmento timpânico do nervo facial direito, sugestiva de hemangioma do nervo facial. […]

Anemia ferropriva grave como manifestaçao inicial de hemossiderose pulmonar em criança

Natália Noronha ORCID logo , Pedro Ramalho ORCID logo , Rogério Barreira ORCID logo , Juliana Roda ORCID logo , Teresa Reis Silva ORCID logo , Miguel Félix ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2018RC4505

RESUMO A hemossiderose pulmonar idiopática é uma doença potencialmente fatal que cursa com episódios de hemorragia alveolar de etiologia desconhecida. As manifestações clínicas são variadas, e a anemia pode constituir o único sinal de doença, precedendo em vários meses os outros sinais e sintomas. Apresenta-se o caso de criança de 4 anos, com febre, vômitos e prostração, associados à palidez. Apresentava anemia microcítica e hipocrômica, refratária à terapêutica com ferro. A hipótese diagnóstica de sangramento gastrintestinal foi excluída, após investigação […]

Reconstrução urológica tardia de gêmeos isquiópagos com extrofia de bexiga e incontinência urinária

Antonio Macedo Jr ORCID logo , Marcela Leal da Cruz ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2018RC3887

RESUMO Relata-se caso de reconstrução urinária em gêmeos siameses previamente separados com apresentação clínica de bexiga extrófica e incontinência urinária. Os dois pacientes eram do sexo masculino com idade de 13 anos. O primeiro gêmeo apresentava falha da enterocistoplastia com extrusão e visualização da neobexiga extrófica, tendo sido submetido ao fechamento do colo vesical e à reconfiguração da parede abdominal. Após o procedimento, o paciente desenvolveu fístula, que foi tratada, mas persistiu. Posteriormente, optamos por bolsa cateterizável, descartando a bexiga […]

Drenagem percutânea de abscesso de iliopsoas: uma opção efetiva em casos não candidatos à cirurgia

Diego Lima Nava Martins ORCID logo , Francisco de Assis Cavalcante Junior ORCID logo , Priscila Mina Falsarella ORCID logo , Antonio Rahal Junior ORCID logo , Rodrigo Gobbo Garcia ORCID logo

DOI: 10.1590/S1679-45082018RC4254

RESUMO Os objetivos deste estudo foram descrever a técnica de drenagem percutânea de abscesso de iliopsoas e discutir os benefícios do uso desta ferramenta minimamente invasiva. Trata-se de estudo unicêntrico com análise retrospectiva de pacientes com abscesso de psoas confirmado por exames de imagem, encaminhados a um centro de medicina intervencionista e submetidos à drenagem percutânea guiada por tomografia computadorizada e ultrassonografia, de novembro de 2013 a agosto de 2016. Sete pacientes foram submetidos à drenagem percutânea de abscesso de […]

Comprometimento da articulação temporomandibular como única manifestação da artrite idiopática juvenil: um relato de caso

José Renato Ribeiro Pinto ORCID logo , Irineu Gregnanin Pedron ORCID logo , Estevam Rubens Utumi ORCID logo , Milton Edson Miranda ORCID logo , Elisa Cruz Pereira Pinto ORCID logo , Leopoldo Penteado Nucci ORCID logo

DOI: 10.1590/S1679-45082018RC4003

RESUMO Artrite idiopática juvenil é um termo usado para incluir toda artrite infantil crônica de etiologia desconhecida. É caracterizada por uma inflamação crônica, que persiste por pelo menos 6 semanas, com início antes dos 16 anos de idade. As características presentes são sinovite crônica, artralgia, mobilidade articular diminuída em pelo menos uma articulação, e erosão com destruição da cartilagem e do osso subcondral, podendo ser associada ou não com o envolvimento sistêmico, de acordo com cada subtipo da doença. Durante […]

Atrofia muscular bulboespinhal ligada ao cromossomo X (doença de Kennedy): o primeiro caso descrito na Amazônia brasileira

Camila Nascimento Alves, Tiago Kiyoshi Kitabayashi Braga, Danusa Neves Somensi, Bruno Sérgio Vilhena do Nascimento, José Antônio Santos de Lima, Satomi Fujihara

DOI: 10.1590/S1679-45082018RC4011

RESUMO A atrofia muscular bulboespinhal ligada ao cromossomo X (doença de Kennedy) é uma rara doença de neurônio motor inferior, recessiva, ligada ao X, e caracterizada por fraqueza, atrofia e fasciculações da musculatura apendicular e bulbar. É causada por uma expansão da repetição CAG no gene do receptor de androgênio. Pacientes com doença de Kennedy apresentam mais de 39 repetições CAG. O paciente deste relato era do sexo masculino, 57 anos, morador de Monte Dourado (PA, Brasil), com queixa de […]

Pneumonite induzida por imunoterapia antineoplásica: relato de casos

Henrique Alkalay Helber, Aline Lury Hada, Raquel Baptista Pio, Pedro Henrique Zavarize de Moraes, Diogo Bugano Diniz Gomes

DOI: 10.1590/S1679-45082018RC4030

RESUMO A pneumonite secundária à imunoterapia é uma complicação rara, com incidência estimada em cerca de 3%. No entanto, trata-se de uma intercorrência de difícil diagnóstico e com grande morbidade, que tem se tornado um desafio para oncologistas e emergencistas. Foram revisados os casos de cinco pacientes que fizeram uso de anti-PD1 (program cell death receptor antagonist 1) para tratamento antineoplásico e que evoluíram com quadro de pneumonite induzida pelo tratamento. Todos os pacientes apresentaram sintomas respiratórios em vigência de […]

Estudo clínico e imuno-histoquímico de tumor neuroectodérmico melanocítico da infância em maxila

Hellen Bandeira de Pontes Santos, Aníbal Henrique Barbosa de Luna, Pedro Everton Marques Goes, Alexander Tadeu Sverzut, Cassiano Francisco Weege Nonaka, Pollianna Muniz Alves

DOI: 10.1590/S1679-45082018RC4025

RESUMO O tumor neuroectodérmico melanocítico da infância é uma neoplasia rara e de crescimento rápido. Neste estudo, relata-se o caso de uma paciente do sexo feminino de 6 meses de idade, que apresentou tumefação na região anterior de maxila. A reconstrução tomográfica revelou área unilocular hipodensa e expansiva associada ao incisivo central superior direito decíduo. Realizou-se biópsia incisional, considerando as hipóteses diagnósticas de cisto dentígero, tumor odontogênico adenomatoide, tumor neuroectodérmico melanocítico da infância e rabdomiossarcoma. Microscopicamente, a lesão revelou população […]

1 2 3 12