17 results

Características clínicas, dietéticas e demográficas que interferem na qualidade de vida de pacientes com câncer

Juliana Alvares Duarte Bonini Campos ORCID logo , Wanderson Roberto da Silva ORCID logo , Maria Claudia Bernardes Spexoto ORCID logo , Sergio Vicente Serrano ORCID logo , João Marôco ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2018AO4368

RESUMO Objetivo Estimar a ingestão dietética de pacientes com câncer e sua relação com características clínicas e demográficas, além de verificar a contribuição da ingestão dietética, apetite/sintomas e características clínicas e demográficas para a qualidade de vida deles. Métodos Foi estimado o consumo de energia e de macronutrientes. A relação entre ingestão dietética e características clínicas e demográficas foi avaliada pela análise de variância. A ingestão de energia e macronutrientes dos pacientes foi comparada com a necessidade nutricional, utilizando intervalo […]

Análise da percepção do câncer por idosos

Isaac Felipe Leite Braz, Raquel Andresa Duarte Gomes, Mariele Silva de Azevedo, Francisco das Chagas Marison Alves, Danilo Silveira Seabra, Francisco Pignataro Lima, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082018AO4155

RESUMO Objetivo Analisar a percepção do câncer pela população idosa, correlacionando os dados obtidos com as variáveis clínicas de sexo, idade e histórico pessoal de câncer. Métodos A amostra foi composta por 300 idosos, sendo 174 (58%) do sexo feminino. Foi aplicado um questionário de dez questões baseado no Health Information National Trends Survey, com questões relacionadas à percepção do câncer. Para a análise estatística, o valor de p

European Organization for Research and Treatment of Cancer Quality of Life Questionnaire Core 30: modelos fatoriais em pacientes brasileiros com câncer

Juliana Alvares Duarte Bonini Campos, Maria Cláudia Bernardes Spexoto, Wanderson Roberto da Silva, Sergio Vicente Serrano, João Marôco

DOI: 10.1590/S1679-45082018AO4132

RESUMO Objetivo Avaliar as propriedades psicométricas dos sete modelos teóricos propostos na literatura para o European Organization for Research and Treatment of Cancer Quality of Life Questionnaire Core 30 (EORTC QLQ-C30), quando aplicados em uma amostra de pacientes brasileiros com câncer. Métodos As validades de conteúdo e de construto (fatorial, convergente, discriminante) foram avaliadas. Foi realizada análise fatorial confirmatória. A validade convergente foi avaliada pela variância média extraída. A validade discriminante foi analisada por meio de análise correlacional. A consistência […]

Confiabilidade teste-reteste da versão Brasileira do instrumento Memorial Symptom Assessment Scale para avaliação de sintomas em pacientes oncológicos

Josiane Roberta de Menezes, Bianca Maria Oliveira Luvisaro, Claudia Fernandes Rodrigues, Camila Drumond Muzi, Raphael Mendonça Guimarães

DOI: 10.1590/S1679-45082017AO3645

RESUMO Objetivo Avaliar a confiabilidade teste-reteste da versão traduzida e adaptada culturalmente para o português do Brasil do Memorial Symptom Assessment Scale. Métodos A escala foi aplicada em forma de entrevista em 190 pacientes com diversos tipos de câncer internados nos setores clínicos e cirúrgicos do Instituto Nacional de Câncer José de Alencar Gomes da Silva e reaplicada em 58 pacientes. Os dados dos testes-retestes foram inseridos num banco de dados por dupla digitação independente em Excel e analisados pelo […]

Sarcopenia e toxicidade mediada pela quimioterapia

Maria Cecília Monteiro Dela Vega, Alessandro Laviano, Gustavo Duarte Pimentel

DOI: 10.1590/s1679-45082016md3740

RESUMOEsta revisão narrativa descreve o papel da sarcopenia e a toxicidade mediada pela quimioterapia em pacientes com câncer. Diversas evidências consistentes mostram que a sarcopenia em pacientes com câncer induz à menor sobrevida global, por influenciar na interrupção do tratamento e na redução da dose. Portanto, a sarcopenia pode ser considerada um importante fator de prognóstico de desfecho negativo, além de um determinante de maiores custos em saúde.

Disparidades na epidemiologia e no tratamento de câncer nas populações indígenas brasileiras

Pedro Nazareth Aguiar Jr., Gustavo Trautman Stock, Gilberto de Lima Lopes Jr., Michelle Samora de Almeida, Hakaru Tadokoro, Bárbara de Souza Gutierres, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082016AO3754

RESUMOObjetivo:Avaliar os aspectos relacionados a câncer em populações indígenas.Métodos:Estudo retrospectivo conduzido em um hospital universitário público. Foram incluídos pacientes com 18 anos ou mais, diagnosticados com tumores sólidos e acompanhados entre 2005 e 2015. Os aspectos clínicos foram avaliados por meio de estatística descritiva, e a sobrevida foi avaliada por meio de curvas de Kaplan-Meier e regressão multivariada de Cox.Resultados:Foram incluídos 50 pacientes. A incidência de câncer foi 15,73 por 100 mil. A média de idade ao diagnóstico foi 54 […]

A maioria dos cânceres de intestino delgado são revelados por uma complicação

Ionut Negoi, Sorin Paun, Sorin Hostiuc, Bodgan Stoica, Ioan Tanase, Ruxandra Irina Negoi, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082015AO3380

RESUMOObjetivoCaracterizar o padrão de neoplasias malignas primárias do intestino delgado em um hospital terciário de Leste Europeu.Métodos Estudo retrospectivo de pacientes com câncer de intestino delgado, internados em um hospital terciário e de emergência, ao longo dos últimos 15 anos.Resultados Foram avaliados 57 pacientes com neoplasias malignas gastrintestinais, o que representou 0,039% das admissões e 0,059% das laparotomias realizadas. Total de 37 (64,9%) pacientes masculinos, média de idade de 58 anos, e de 72 anos para mulheres. Dentre os 57 […]

Rastreamento do câncer de colo uterino em jovens e idosas do Parque Indígena do Xingu: avaliação quanto à faixa etária preconizada no Brasil

Neila Maria de Góis Speck, Juliana da Silva Pinheiro, Erica Ribeiro Pereira, Douglas Rodrigues, Gustavo Rubino de Azevedo Focchi, Julisa Chamorro Lascasas Ribalta

DOI: 10.1590/S1679-45082015AO3222

ObjetivoAnalisar a ocorrência de atipias nos exames citológicos e histológicos de jovens e idosas indígenas, e também avaliar se a faixa etária preconizada pelo Ministério da Saúde e pelo Instituto Nacional de Câncer em rastreamento do câncer de colo uterino é adequada para essa população.MétodosO Projeto Xingu/UNIFESP, em parceria com o Núcleo de Prevenção de Doenças Ginecológicas, desenvolve programas de prevenção do câncer do colo de útero. Foi realizado estudo exploratório, retrospectivo e descritivo de exames cito/histopatológicos em jovens do […]

Estresse oxidativo e lipoproteínas plasmáticas em pacientes com câncer

Fernanda Maria Machado Maia, Emanuelly Barbosa Santos, Germana Elias Reis

DOI: 10.1590/S1679-45082014RC3110

ObjetivoAvaliar a relação entre estresse oxidativo e perfil lipídico em pacientes com diferentes tipos de câncer.MétodosEstudo do tipo observacional transversal. Foram avaliados 58 indivíduos, sendo 33 do sexo masculino, divididos em dois grupos de 29 pacientes cada: o Grupo 1 foi formado por pacientes com câncer do trato digestivo e órgãos anexos; o Grupo 2 foi formado por pacientes com outros tipos de câncer, todos internados em um hospital público. Foram analisadas concentrações plasmáticas (colesterol total, HDL e triacilglicerol, entre […]

De um lado ao outro: o que é essencial? Percepção dos pacientes oncológicos e de seus cuidadores ao iniciar o tratamento oncológico e em cuidados paliativos

Bruna Antenussi Munhoz, Henrique Soares Paiva, Beatrice Martinez Zugaib Abdalla, Guilherme Zaremba, Andressa Macedo Paiva Rodrigues, Mayra Ribeiro Carretti, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082014RC3091

ObjetivoAvaliar a percepção dos pacientes oncológicos e de seus cuidadores no início da abordagem diagnóstica e terapêutica, e durante os cuidados paliativos.MétodosEstudo transversal, realizado nos ambulatórios de oncologia e cuidados paliativos vinculados a Faculdade de Medicina do ABC. Foram coletados dados clínicos e demográficos de pacientes e de seus cuidadores, e aplicados questionários referentes aos elementos a serem elencados como importantes em relação ao tratamento.ResultadosForam incluídos 32 pacientes e 23 cuidadores que iniciavam o tratamento nos ambulatórios de oncologia, bem […]

1 2