einstein (São Paulo). 01/abr/2017;15(2):155-61.

Tradução e adaptação cultural do Functional Assessment of Chronic Illness Therapy – Cervical Dysplasia (FACIT-CD) para avaliar qualidade de vida em mulheres com neoplasia intraepitelial cervical

Cristiane Menezes Sirna Fregnani, José Humberto Tavares Guerreiro Fregnani, Carlos Eduardo Paiva, Eliane Marçon Barroso, Mayara Goulart de Camargos, Audrey Tieko Tsunoda, Adhemar Longatto-Filho, Bianca Sakamoto Ribeiro Paiva

DOI: 10.1590/S1679-45082017AO3910

RESUMO

Objetivo

Traduzir e adaptar o instrumento Functional Assessment of Chronic Illness Therapy – Cervical Dysplasia (FACIT-CD), para a língua portuguesa.

Métodos

Estudo descritivo, transversal, com metodologia de tradução e adaptação cultural de instrumento de avaliação, realizado por meio de diretrizes internacionais e seguindo o protocolo do grupo Functional Assessment of Chronic Illness Therapy (FACIT). Envolveu oito especialistas, sendo seis nativos do Brasil, um de Portugal e um dos Estados Unidos. Ao término do processo de tradução e retrotradução, deu-se início ao processo de análise semântica. Foram incluídas aleatoriamente 20 mulheres entre 18 e 70 anos com exame de citologia cervical alterado, atendidas no Departamento de Prevenção e Ginecologia Oncológica do Hospital de Câncer de Barretos.

Resultados

A amostra foi composta por mulheres com baixa escolaridade. No primeiro pré-teste participaram dez mulheres, sendo que a metade considerou as questões CD1, CD2 e CD3 difíceis por não compreenderem o significado do termo “região pélvica”. A questão CD5, “Estou preocupada em disseminar a infecção”, também foi considerada de difícil entendimento por cinco mulheres. Após as reconsiderações do comitê de especialistas e do grupo FACIT, foi realizado o segundo pré-teste. Nesta fase, pode-se concluir que os problemas de entendimento anteriores foram resolvidos.

Conclusão

A versão traduzida do FACIT-CD é equivalente à versão original em inglês e em língua portuguesa universal, sendo facilmente compreendida pelas pacientes com neoplasia intraepitelial cervical.

Tradução e adaptação cultural do Functional Assessment of Chronic Illness Therapy – Cervical Dysplasia (FACIT-CD) para avaliar qualidade de vida em mulheres com neoplasia intraepitelial cervical

Comentários