einstein (São Paulo). 25/fev/2019;17(2):eAO4423.

Proteção auricular da água em pacientes com tubo de ventilação em membrana timpânica: ensaio clínico randomizado

Marcel Menon Miyake ORCID logo , Daniela Akemi Tateno ORCID logo , Natália Amaral Cançado ORCID logo , Michelle Menon Miyake ORCID logo , Stefano Tincani ORCID logo , Osmar Mesquita de Sousa Neto ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019AO4423

RESUMO

Objetivo

Avaliar a incidência de otorreia no período pós-operatório em pacientes submetidos à timpanotomia para colocação de tubo de ventilação e que não realizaram proteção auricular quando expostos à água.

Métodos

Ensaio clínico controlado, aberto e randomizado. Foram incluídos 80 pacientes submetidos à timpanotomia para colocação de tubo de ventilação unilateral ou bilateral, divididos em dois grupos: Grupo Proteção e Grupo Não Proteção auricular da água durante o banho e as atividades aquáticas.

Resultados

No primeiro mês pós-operatório, o Grupo Não Proteção apresentou aumento significativo tanto no número de pacientes com otorreia quanto na incidência. Quatro pacientes do Grupo Proteção (11%) apresentaram ao menos um episódio de otorreia neste período, representando incidência de 0,11 (desvio padrão ±0,32) episódio/mês, enquanto no Grupo Não Proteção ocorreram 12 episódios (33%; p=0,045) e incidência de 0,33 (±0,48; p=0,02). Entre o 2º e o 13º meses pós-operatórios, não houve diferença entre os grupos. Sete pacientes do Grupo Proteção (20%) apresentaram ao menos um episódio de otorreia, representando incidência de 0,04 (±0,09) episódios/mês, enquanto no Grupo Não Proteção foram registrados sete episódios (22%; p=0,8) e incidência de 0,05 (±0,1; p=0,8).

Conclusão

Pacientes que realizaram a proteção auricular quando expostos à água apresentaram menor incidência de otorreia no primeiro mês pós-operatório do que aqueles que não a realizaram. A partir do segundo mês, não houve diferença entre os grupos.

Proteção auricular da água em pacientes com tubo de ventilação em membrana timpânica: ensaio clínico randomizado

Comentários