einstein (São Paulo). 01/dez/2013;11(4):521-3.

Meningite por Haemophilus influenzae tipo f

Marta Pessoa Cardoso, Jacyr Pasternak, Alfredo Elias Giglio, Rejane Rimazza Dalberto Casagrande, Eduardo Juan Troster

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400020

Com o declínio da taxa de infecções causadas pelo Haemophilus influenzae tipo b após a ampla introdução da vacina, sorotipos não-b devem ser considerados agentes patogênicos potenciais em crianças menores de 5 anos com doença invasiva. Relatamos um caso de meningite por Haemophilus influenzae tipo f em um lactente imunocompetente de 1 ano. O agente foi identificado em líquido cefalorraquidiano e hemocultura. A sorotipagem foi realizada por testes com soros policlonais e confirmada por reação em cadeia de polimerase. Todas as cepas de Haemophilus influenzae associadas à doença invasiva deveriam ser sorotipadas e notificadas, a fim de possibilitar uma análise adequada das mudanças e tendências na distribuição de sorotipos desta doença.

Meningite por Haemophilus influenzae tipo f

81

Comentários