einstein (São Paulo). 01/fev/2019;17(1):eAO4469.

Avaliação do ensino de ultrassonografia em urgência e trauma para graduandos em Medicina

José Cruvinel Neto ORCID logo , Vinicius Rinaldi Vieira Marcondes ORCID logo , Marcelo Augusto Fontenelle Ribeiro Junior ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019AO4469

RESUMO

Objetivo

Avaliar metodologia para o ensino de técnicas de ultrassom para estudantes de Medicina em ambiente de emergência.

Métodos

Estudo prospectivo realizado com 66 alunos do sexto ano de graduação em Medicina. Os alunos participaram de aulas teóricas e práticas com carga de 5 horas, e os conhecimentos adquiridos foram avaliados em provas antes, logo depois e 90 dias após o curso. Após a conclusão das aulas, foi distribuído um questionário aos alunos, tendo sido avaliados os conhecimentos teórico e prático.

Resultados

Nas avaliações teóricas, a média do grau de pré-teste foi de 4,9, com aumento observado para 7,6 após o término do curso, e de 5,9 para o teste de 90 dias (p<0,001). Questões sobre aspectos técnicos e aquisição de imagens foram mais frequentemente respondidas, e aquelas relacionadas ao manejo clínico foram as mais respondidas incorretamente. Na avaliação prática, 54 alunos (81,8%) conseguiram interpretar as imagens.

Conclusão

Foi possível ensinar o uso de técnicas de ultrassom em um ambiente de emergência para estudantes na faculdade de Medicina e instruí-los em técnicas de aquisição de imagens, mas a instrução deve se concentrar em aspectos técnicos, e não em gerenciamento clínico.

Avaliação do ensino de ultrassonografia em urgência e trauma para graduandos em Medicina

Comentários