einstein (São Paulo). 01/set/2014;12(3):310-3.

Transtorno do déficit de atenção e hiperatividade: uma vertente terapêutica

Abram Topczewski

DOI: 10.1590/s1679-45082014ao2925

Objetivo
Avaliar a aplicação de um esquema terapêutico para o tratamento do transtorno do déficit de atenção e hiperatividade.
Métodos
Os 140 pacientes foram submetidos inicialmente à avaliação clínico-neurológica e laboratorial. Posteriormente, foi iniciado um tratamento com medicamento formulado composto por um antidepressivo tricíclico e um ansiolítico.
Resultados
A resposta foi positiva em 71,43% dos pacientes no controle da hiperatividade e na melhoria do quadro de dispersão e desatenção.
Conclusão
O esquema terapêutico aplicado se mostrou uma alternativa terapêutica eficaz, especialmente para os pacientes que não se adaptam aos medicamentos psicoestimulantes.

Transtorno do déficit de atenção e hiperatividade: uma vertente terapêutica

73

Comentários