einstein (São Paulo). 01/set/2011;9(3):319-25.

Identificação e análise dos fatores antinutricionais nas possíveis interações entre medicamentos e alimento/ nutrientes em pacientes hospitalizados

Adnny Fernanda Lima Campos, Savina Pereira Torres, Everton Moraes Lopes, Rumão Batista Nunes de Carvalho, Rivelilson Mendes de Freitas, Lívio César Cunha Nunes

DOI: 10.1590/s1679-45082011ao2026

RESUMO
Objetivo:
Identificar e analisar a presença dos fatores antinutricionais nas possíveis interações entre os medicamentos e os alimentos/ nutrientes das dietas prescritas aos pacientes do Hospital Regional Justino Luz do Município de Picos (PI) para sugerir seus prováveis mecanismos.
Métodos:
A amostra foi constituída por 120 prontuários médicos de pacientes hospitalizados. Os prontuários foram analisados para verificar a presença ou não de interações entre os medicamentos e os alimentos/nutrientes das dietas prescritas aos pacientes internados no Hospital Regional Justino Luz, dando ênfase à ação dos fatores antinutricionais nas interações.
Resultados:
Dos 189 medicamentos prescritos, 128 (67,7%) apresentavam possível interação com a alimentação, totalizando 98 possíveis interações entre nutriente/alimentos e medicamentos. Dessa forma, foram identificadas 20 (20,4%), 12 (12,2%) e 11 (11,2%) possíveis interações com o captopril, com o ácido acetilsalicílico e com a espironolactona, respectivamente, representando, nessa ordem, as maiores frequências de possíveis interações entre os medicamentos/alimentos. Um total de nove fatores antinutricionais foram encontrados nos sete alimentos vegetais prescritos aos pacientes hospitalizados, sendo que cinco (55,6%) eram capazes de interagir com os medicamentos. Os fitatos e taninos apresentaram a maior quantidade de possíveis interações com os fármacos, cada um com 4 (26,7%) em um total de 15 interações. Os medicamentos hidróxido de alumínio, digoxina e paracetamol obtiveram maior probabilidade de interação com os antinutrientes, sendo 5 (33,3%), 3 (20%) e 3 (20%) interações, respectivamente..
Conclusão:
Devido à grande quantidade de fatores antinutricionais capazes de interagir com fármacos prescritos para pacientes hospitalizados, a atuação de uma equipe multiprofissional é indispensável para serem previstas, detectadas e resolvidas essas possíveis interações entre alimentos, fatores antinutricionais e medicamentos.

Identificação e análise dos fatores antinutricionais nas possíveis interações entre medicamentos e alimento/ nutrientes em pacientes hospitalizados

160

Comentários