einstein (São Paulo). 01/jun/2014;12(2):149-53.

Efeito de aprendizagem de testes cognitivos computadorizados em idosos

Rafaela Sanches de Oliveira, Beatriz Maria Trezza, Alexandre Leopold Busse, Wilson Jacob Filho

DOI: 10.1590/S1679-45082014AO2954

Objetivo
Avaliar o efeito da aprendizagem nos testes cognitivos computadorizados em idosos da comunidade.
Métodos
Estudo transversal, com 20 idosos – 10 mulheres e 10 homens, com média de idade de 77,5 (±4,28) anos. Os voluntários realizaram duas séries em sequência de testes cognitivos computadorizados e seus resultados foram comparados. Os testes aplicados foram: Trail Making A e B,Spatial Recognition, Go/No Go, Memory Span, Pattern Recognition e Reverse Memory Span.
Resultados
Houve efeito de aprendizagem na comparação dos resultados somente no testeTrail Making A (p=0,019). Os demais testes não apresentaram alteração significante no desempenho. Não houve correlação entre o efeito de aprendizagem e a idade (p=0,337) e a escolaridade (p=0,362), e nem diferença entre os gêneros (p=0,465).
Conclusão
Os testes cognitivos computadorizados repetidos por idosos imediatamente após sua realização não revelaram alteração do seu desempenho, com exceção do teste Trail Making, que demonstrou alta aplicabilidade clínica, mesmo em intervalos curtos.

Efeito de aprendizagem de testes cognitivos computadorizados em idosos

49

Comentários