einstein (São Paulo). 01/out/2010;8(4 Pt 1):419-22.

A atividade física e o enfrentamento do estresse em idosos

Fernando de Andréa, Fernanda Varkala Lanuez, Adriana Nunes Machado, Wilson Jacob Filho

DOI: 10.1590/S1679-45082010AO1549

RESUMO

Objetivo:

Analisar o valor de um programa de atividade física no enfrentamento do estresse em idosos.

Métodos:

Estudo de intervenção em um grupo de 18 idosos encaminhados do ambulatório do Serviço de Geriatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, aderentes a um programa de atividade física supervisionado e avaliados pelo perfil da atividade humana e pelo questionário de coping.

Resultados:

Nas escalas de avaliação de coping e de desempenho funcional, foi verificado um incremento da capacidade de enfrentamento do estresse e melhora nas atividades cotidianas após a prática do programa de atividade física.

Conclusões:

A prática de atividade física regular e orientada, mesclando trabalho aeróbio, de resistência, de alongamento e respiratório produz efeitos positivos na capacidade de coping e na de realização das suas atividades cotidianas.

A atividade física e o enfrentamento do estresse em idosos

Comentários