einstein (São Paulo). 01/jan/2017;15(1):50-7.

Segurança do paciente: conhecimento entre residentes multiprofissionais

João Lucas Campos de Oliveira, Simone Viana da Silva, Pamela Regina dos Santos, Laura Misue Matsuda, Nelsi Salete Tonini, Anair Lazzari Nicola

DOI: 10.1590/S1679-45082017AO3871

RESUMO

Objetivo

Verificar o conhecimento de residentes multiprofissionais na área da saúde sobre o tema segurança do paciente.

Métodos

Estudo transversal, quantitativo, desenvolvido com pós-graduandos dos cursos/especialidades de residência da área da saúde de uma universidade pública do Paraná. Os participantes (n=78) responderam um questionário contendo nove questões objetivas relacionadas com a segurança do paciente. Os dados foram analisados por estatística descritiva, em medidas de proporção. O mínimo de 75% de acertos foi considerado ponto de corte para avaliação positiva.

Resultados

A amostra foi composta por profissionais predominantemente jovens, oriundos de programas médicos. Quase metade dos itens avaliados (n=5) alcançou o padrão de positividade estabelecido, com destaque para os que trataram dos momentos de higienização das mãos (98,8%) e o objetivo do Programa Nacional de Segurança do Paciente (92,3%). A identificação do paciente foi o pior item avaliado (37,7%). Na análise por áreas profissionais, somente a Enfermagem alcançou o padrão de acertos estabelecido.

Conclusão

O conhecimento dos residentes foi limiar.

Segurança do paciente: conhecimento entre residentes multiprofissionais

Comentários