einstein (São Paulo). 01/set/2010;8(3):285-90.

Impacto das palestras educativas no conhecimento das adolescentes em relação às doenças sexualmente transmissíveis e câncer do colo uterino em Jundiaí, SP

João Bosco Ramos Borges, Marcus Vinícus Gonçalves Belintani, Patrícia Frodl Miranda, Ana Carolina Marchesini de Camargo, Renata Guarisi, Edna Marina Cappi Maia, Thomaz Rafael Gollop

DOI: 10.1590/s1679-45082010ao1544

RESUMO
Objetivo:
Avaliar o conhecimento das adolescentes moradoras nas regiões abrangentes da Vila Ana e da Morada das Vinhas, na cidade de Jundiaí (SP), sobre a prevenção e diagnóstico das principais doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) e do câncer de colo do útero, além de avaliar o impacto imediato de palestras educativas.
Métodos:
Foi realizado estudo prospectivo de corte transversal para avaliar o conhecimento de um determinado grupo de adolescentes sobre DSTs e câncer do colo uterino, por meio de um questionário aplicado antes e logo após a realização de palestra educativa.
Resultados:
Após a exposição da palestra, houve aumento de respostas corretas sobre educação sexual, conhecimento do HPV (em 44%) e sobre a prevenção do câncer de colo de útero (em 22%)..
Conclusão:
As adolescentes que participaram do estudo têm pouco conhecimento em relação às DSTs e câncer do colo uterino, mas as palestras educativas são capazes de reverter essa realidade com baixo custo à Saúde Pública.

Impacto das palestras educativas no conhecimento das adolescentes em relação às doenças sexualmente transmissíveis e câncer do colo uterino em Jundiaí, SP

46

Comentários