einstein (São Paulo). 01/jun/2016;14(2):202-7.

Impacto da fisioterapia respiratória na capacidade vital e na funcionalidade de pacientes submetidos à cirurgia abdominal

Shanlley Cristina da Silva Fernandes, Rafaella Souza dos Santos, Erica Albanez Giovanetti, Corinne Taniguchi, Cilene Saghabi de Medeiros Silva, Raquel Afonso Caserta Eid, Karina Tavares Timenetsky, Denise Carnieli-Cazati

DOI: 10.1590/S1679-45082016AO3398

RESUMO
Objetivo
Avaliar a capacidade vital comparando duas técnicas de fisioterapia respiratória em pacientes submetidos à cirurgia abdominal.
Métodos
Estudo prospectivo e randomizado realizado com pacientes admitidos em Unidade de Terapia Intensiva após cirurgia abdominal. Verificamos a capacidade vital, a força muscular por meio da escala do Medical Research Council e funcionalidade pela Medida de Independência Funcional no primeiro momento em que o paciente encontrava-se em respiração espontânea (D1) e na alta da Unidade de Terapia Intensiva (Dalta). Entre D1 e Dalta, foi realizada a fisioterapia respiratória, conforme o grupo randomizado.
Resultados
Foram incluídos 38 pacientes, sendo 20 randomizados para Grupo Pressão Positiva Intermitente e 18 para o Grupo Incentivador Inspiratório a Volume. A capacidade vital entre o D1 e Dalta do Grupo Pressão Positiva Intermitente não teve ganho significativo (média de 1.410mL±547,2 versus 1.809mL±692,3; p=0,979), assim como no Grupo Incentivador Inspiratório a Volume (1.408,3mL±419,1 versus 1.838,8mL±621,3; p=0,889). Houve melhora significativa da capacidade vital no D1 (p<0,001) e na Dalta (p<0,001) e da Medida de Independência Funcional (p<0,001) após a fisioterapia respiratória. A melhora da capacidade vital não apresentou relação com o ganho da força muscular.
Conclusão
A fisioterapia respiratória, por meio de pressão positiva ou de incentivador inspiratório a volume, foi eficaz na melhora da capacidade vital em pacientes submetidos à cirurgia abdominal.

Impacto da fisioterapia respiratória na capacidade vital e na funcionalidade de pacientes submetidos à cirurgia abdominal

107

Comentários