einstein (São Paulo). 11/jul/2019;17(3):eRW4628.

Perfil de risco para osteonecrose dos maxilares associada a agentes antiangiogênicos

Raquel D’Aquino Garcia Caminha ORCID logo , Gabriela Moura Chicrala ORCID logo , Luiz Alberto Valente Soares Júnior ORCID logo , Paulo Sérgio da Silva Santos ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019RW4628

RESUMO

Traçar o perfil dos pacientes que desenvolveram osteonecrose dos maxilares associada a agentes antiangiogênicos e identificar os tratamentos realizados atualmente no manejo odontológico. Foi realizada busca nas bases de dados PubMed®/Medline® e Scopus por meio dos descritores “osteonecrosis AND antiangiogenic therapy”, sendo utilizados os critérios de inclusão: artigos publicados em inglês, relato de caso, disponíveis on-line e por período ilimitado. Após análise dos 209 artigos encontrados, foram selecionados 18 artigos para este estudo, resultando em 19 relatos de caso, visto que um dos artigos apresentou dois casos que se enquadravam nos critérios de inclusão. A osteonecrose dos maxilares associada a medicamentos é caracterizada pela exposição de osso necrótico na cavidade oral que não cicatriza em um período de 8 semanas em pacientes que não foram submetidos à radioterapia. Os medicamentos antiangiogênicos são indicados no tratamento de alguns tumores, pois impedem o crescimento de novos vasos sanguíneos, controlando o crescimento do tumor e a chance de metastização. Torna-se imprescindível a realização de prevenção odontológica do paciente a ser submetido a uso de antiangiogênicos visando a minimizar as chances de desenvolvimento da osteonecrose.

Perfil de risco para osteonecrose dos maxilares associada a agentes antiangiogênicos

Comentários