einstein (São Paulo). 01/dez/2014;12(4):513-7.

Hipotermia perioperatória e aumento de infecção da ferida cirúrgica: estudo bibliográfico

Aline Batista da Silva, Aparecida de Cassia Giani Peniche

DOI: 10.1590/S1679-45082014RW2398

A proposta deste artigo foi conhecer e analisar a produção científica relacionada à ocorrência de hipotermia perioperatória e à incidência de infecção no sítio cirúrgico. Foi realizado um levantamento nas bases de dados LILACS, MEDLINE, PubMed, CINAHL e Cochrane, com descritores do DECS, em um período de 2004 a 2009. Foram encontrados 91 artigos. Após a eliminação dos artigos duplicados e da seleção por critérios de inclusão, restaram seis manuscritos para análise. Os estudos foram divididos em análise retrospectiva, estudos de caso, ensaio clínico e estudo prospectivo. Após a análise dos estudos, a maioria apontou que a hipotermia deve ser prevenida durante o perioperatório, a fim de diminuir as complicações na cicatrização da incisão cirúrgica. Assim, a hipotermia inadvertida influi diretamente no processo de cicatrização do sítio cirúrgico, aumentando a incidência de infecção da ferida operatória.

Hipotermia perioperatória e aumento de infecção da ferida cirúrgica: estudo bibliográfico

39

Comentários