47 results

Integridade científica 2.0: má conduta. Vamos evitar, e não punir!

Anna Carla Goldberg ORCID logo , Oscar Fernando Pavão dos Santos ORCID logo , Celso Moura Rebello ORCID logo , Jacyr Pasternak ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019ED5064

A crescente complexidade das investigações modernas e inovadoras tem levantado questões importantes relacionadas ao compliance (governança) e à conduta responsável na pesquisa. A abrangência dos itens a serem administrados aumentou muito, de forma a incluir grande variedade de questões, desde autoria, plágio, gestão de dados, confidencialidade, direitos de patentes, conflitos de interesse, até conduta ética, bem-estar animal e aspectos sociais das pesquisas sendo feitas.() Todos esses fatores têm sobrecarregado a rotina diária de laboratórios experimentais, centros de pesquisa clínica e […]

O papel do médico frente à medicina de precisão

Tatiana Ferreira de Almeida ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019ED4979

Todos os dias, médicos se deparam com diagnósticos e tratamentos idênticos, que geram desfechos diferentes. Ser capaz de individualizar os cuidados é um desejo antigo da medicina. Neste contexto, a medicina de precisão leva em consideração a variabilidade genética individual, os fatores ambientais e o estilo de vida, para encontrar as melhores abordagens terapêuticas e de prevenção para grupos específicos de indivíduos.() Há aproximadamente 15 anos, a discussão sobre medicina de precisão tomou um novo rumo com as novas tecnologias […]

Inteligência artificial: parceira ou inimiga do médico?

Luís Velez Lapão ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019ED4982

Os sistemas de saúde precisam ser fortalecidos para enfrentar os novos desafios. A evolução demográfica deve aumentar a demanda por mais serviços. As comorbidades resultantes tornam o sistema mais caro. As novas tecnologias podem contribuir positivamente para atenuar estes problemas. A revolução digital está transformando a sociedade, mas, na saúde, essa transformação está atrasada. Há uma desproporção entre o lançamento de serviços inovadores e seu impacto econômico. Entre os especialistas, duas ideias dominam essa área, cada uma se opondo à […]

Por que os biossimilares são tão mais complexos do que os genéricos?

Eduardo Pagani ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019ED4836

As exigências regulatórias para o registro de medicamentos genéricos incluem testes físico-químicos e um ensaio clínico comparativo de biodisponibilidade oral (bioequivalência).() Esse processo demora cerca de 2 anos, custa entre US$1 e 2 milhões e permite reivindicações para todas as indicações aceitas para a droga original. As exigências para biossimilares incluem uma variedade de testes comparativos caros e demorados, e ensaios clínicos de eficácia para cada indicação. Isso leva de 5 a 9 anos e custa mais de US$100 milhões.() […]

Que futuro tem o Sistema Único de Saúde brasileiro?

Jacyr Pasternak ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2018ED4811

Somos o país de maior população no planeta, que tem um serviço de atendimento compreensivo à saúde, sem pagamento na ponta do sistema.() Este foi claramente inspirado no modelo inglês do National Health Service e tem aspectos que funcionam muito bem: nosso programa de vacinação é de excelência, com disponibilização de mais vacinas que o que é oferecido em países mais ricos,() assim como nosso sistema de atendimento a pessoas infectadas pelo HIV. Entretanto, o Sistema Único de Saúde (SUS) […]

O uso do Big Data em pesquisas médicas

Thiago Gonçalves dos Santos Martins ORCID logo , Ana Luiza Fontes de Azevedo Costa ORCID logo , Thomaz Gonçalves dos Santos Martins ORCID logo

DOI: 10.1590/S1679-45082018ED4087

Atualmente, a velocidade e o volume de dados criados a partir de sites da internet, sensores eletrônicos e celulares estão na ordem de exabytes (1 bilhão de gigabites) a cada 2 dias. Trata-se da quantidade correspondente ao produzido no período desde o início da civilização até 2003. Este número impressionante tende a dobrar a cada 40 meses.() O enorme conjunto de dados, que é grande o suficiente para ser considerado não gerenciável para a interpretação humana sem auxílio de um […]

Desafio, Discussão e Respostas: estratégia ativa de ensino para transformar aulas expositivas em colaborativas

Welbert Oliveira Pereira, Fernanda Teresa Lima

DOI: 10.1590/S1679-45082018ED4362

D2R: passo a passo Assim como outras estratégias ativas, uma aula dialogada D2R necessita apresentar alguns pilares que viabilizem a preparação dos alunos (é necessário, então, disponibilizar o material previamente para estudo), o trabalho em grupo (é fundamental dividir os alunos em equipes antes da aula) e a aplicação prática do conteúdo (o professor prepara e apresenta casos e questões que simulam a aplicação prática do tema da aula, evitando o lícito questionamento dos alunos “Por que preciso aprender isto?”). […]

einstein (São Paulo) uma forma inovadora de publicar

Edna Terezinha Rother

DOI: 10.1590/S1679-45082018ED4487

O NOVO MODELO DE PUBLICAÇÃO DA EINSTEIN (SÃO PAULO) A partir de 2018 a (São Paulo) implementará este novo modelo de publicação, embora continuará produzindo, em número reduzido, a publicação no formato impresso. A modalidade de publicação ahead of print também deixará de ser publicada. Vários aspectos terão impacto nesta mudança. A revista terá uma nova plataforma, mais atrativa, com melhor navegabilidade e interoperabilidade e com a possibilidade de compartilhamento imediato dos artigos nas redes sociais e cientificas. […]

einstein (São Paulo) an innovative way to publish your research

Edna Terezinha Rother

DOI: 10.1590/S1679-45082018ED4487

THE NEW MODEL OF PUBLISHING OF EINSTEIN (SÃO PAULO) Starting in 2018, (São Paulo) is moving to a new model of publishing, continuous publication. However, we will continue to produce, although at a reduced frequency, our print version. Our “ahead of print” model will no longer exist. This new model will bring a number of changes. The journal will have a new and user-friendly website to improve navigation and interoperability; in addition, continuous publication will enable immediate sharing of articles […]

einstein (São Paulo) an innovative way to publish your research

Edna Terezinha Rother

DOI: 10.1590/S1679-45082018ED4487

THE NEW MODEL OF PUBLISHING OF EINSTEIN (SÃO PAULO) Starting in 2018, (São Paulo) is moving to a new model of publishing, continuous publication. However, we will continue to produce, although at a reduced frequency, our print version. Our “ahead of print” model will no longer exist. This new model will bring a number of changes. The journal will have a new and user-friendly website to improve navigation and interoperability; in addition, continuous publication will enable immediate sharing of articles […]

1 2 3 5