Volume 11, Número 4, outubro/dezembro 2013

Adequação dos parâmetros de oxigenação em idosos submetidos à ventilação mecânica

Luana Petruccio Cabral Monteiro Guedes, Fabrício Costa Delfino, Flavia Perassa de Faria, Gislane Ferreira de Melo, Gustavo de Azevedo Carvalho

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400011

Objetivo:Comparar a PaO2 ideal com a encontrada, a PaO2 ideal/FiO2 ambiente com a encontrada e a FiO2 ideal e encontrada em idosos ventilados mecanicamente.MÉTODOS:Estudo transversal, no qual foram avaliados os idosos ventilados mecanicamente por no mínimo 72 horas e que tiveram três gasometrias seguidas.RESULTADOS:Compuseram a amostra 48 idosos, com média de idade de 74,77±9,36 anos. Houve diferença significativa entre a PaO2 ideal e a encontrada (p

O nível sérico de Fas solúvel é preditor da necessidade de transfusão de hemácias em pacientes gravemente enfermos

Ilana Levy Korkes, Gustavo Schvartsman, Ilson Jorge Lizuka, Beata Marie Quinto, Maria Aparecida Dalboni, Maria Eugênia Canziani, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400012

Objetivo:Investigar a relação entre a transfusão de hemácias e os níveis séricos de Fas solúvel, eritropoietina e citocinas inflamatórias em pacientes gravemente enfermos, com e sem insuficiência renal aguda.MÉTODOS:Os seguintes grupos foram estudados: pacientes gravemente enfermos com insuficiência renal aguda (n=30) e sem insuficiência renal aguda (n=13), pacientes portadores de doença renal crônica terminal em hemodiálise (n=25) e indivíduos saudáveis (n=21). Os níveis séricos de Fas solúvel, eritropoietina, interleucina 6, interleucina 10 e ferro, além da concentração de hemoglobina e […]

Conhecimento médico sobre as imunodeficiências primárias na cidade de São Paulo, Brasil

Ellen de Oliveira Dantas, Carolina Sanchez Aranda, Fernanda Aimée Nobre, Kristine Fahl, Juliana Themudo Lessa Mazzucchelli, Erika Felix, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400013

Objetivo:Avaliar o conhecimento médico sobre as imunodeficiências primárias na cidade de São Paulo (SP).MÉTODOS:Um questionário de 14 questões sobre as imunodeficiências primárias foi aplicado a médicos que trabalhavam em hospitais gerais. Uma das questões apresentava 25 situações clínicas que poderiam ou não estar associadas às imunodeficiências primárias, e a porcentagem de respostas apropriadas gerou um indicador de conhecimento.RESULTADOS:Participaram do estudo 746 médicos, dentre os quais 215 pediatras (28,8%), 244 cirurgiões (32,7%) e 287 clínicos (38,5%). Cerca de 70% dos médicos […]

Excesso de peso em funcionários de unidades de alimentação e nutrição de uma universidade do Estado de São Paulo

Juliano dos Santos, Aline Alves Ferreira, Karina Cardoso Meira, Angela Maria Geraldo Pierin

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400014

Objetivo:Descrever a prevalência e identificar os fatores associados ao excesso de peso em funcionários dos restaurantes de uma universidade pública da cidade de São Paulo.MÉTODOS:Realizou-se um censo socioeconômico e nutricional com 174 indivíduos, por meio do qual foram coligidos dados referentes à massa corporal e à estatura, além de dados socioeconômicos, por meio de um questionário estruturado. Construiu-se o índice de massa corporal e utilizaram-se os pontos de corte recomendados pela Organização Mundial da Saúde. Testes t de Student, exato […]

Taxas de retenção de infliximabe e tocilizumabe no período de 3 anos em um hospital brasileiro

Ricardo Prado Golmia, Morton Aaron Scheinberg

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400015

Objetivo:Comparar a eficácia e período de uso de tocilizumabe e infliximabe no tratamento de pacientes com artrite reumatoide.MÉTODOS:Foi comparado o tempo de uso de dois biológicos com diferentes mecanismos de ação no tratamento de pacientes com artrite reumatoide.RESULTADOS:Ambos os biológicos se mostraram eficazes, mas o tempo de uso sem perda de eficácia foi maior com tocilizumabe quando comparado ao infliximabe.CONCLUSÃO:Tocilizumabe mantém um período de uso significativamente maior do que infliximabe em pacientes com artrite reumatoide tratados em uma única instituição.

Comparação entre os métodos subjetivo e objetivo para avaliação da capacidade funcional durante tratamento clínico em pacientes com claudicação intermitente

Gabriel Grizzo Cucato, Antônio Eduardo Zerati, Marcel da Rocha Chehuen, Raphael Mendes Ritti-Dias, Glauco Saez, Luciana Ragazzo, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400016

Objetivo:Verificar se há relação entre a medida da capacidade funcional avaliada subjetiva e objetivamente em relação ao estado atual e após tratamento clínico em pacientes com claudicação intermitente.MÉTODOS:Foram recrutados 500 pacientes com claudicação intermitente. Todos realizaram exame clínico e foram submetidos a uma avaliação funcional por meio do método subjetivo (consulta clínica) e objetivo (teste de esteira). Adicionalmente, 50 pacientes foram selecionados para se avaliar o efeito do tratamento clínico, pelos métodos subjetivo e objetivo, em relação à capacidade funcional.RESULTADOS:Dos […]

Alta correlação entre ultrassonografia com contraste de microbolhas, ressonância magnética e histopatologia na avaliação do carcinoma hepatocelular

Marcos Roberto Gomes de Queiroz, Miguel José Francisco Neto, Rodrigo Gobbo Garcia, Antonio Rahal Junior, Paolo Salvalaggio, Marcelo Buarque de Gusmão Funari

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400017

Objetivo:Avaliar a eficácia da ultrassonografia com contraste de microbolhas no diagnóstico do carcinoma hepatocelular e comparar seus resultados com os de ressonância magnética e anatomia patológica.MÉTODOS:Foram avaliados 29 hepatopatas crônicos candidatos ao transplante pelo programa de transplante hepático do Hospital Israelita Albert Einstein. Esses pacientes foram submetidos a ressonância magnética, ultrassonografia com contraste de microbolhas e biópsia hepática excisional.RESULTADOS:Houve concordância ótima entre os resultados da ultrassonografia com contraste de microbolhas e aqueles da ressonância magnética. Notou-se concordância moderada entre os […]

Perfil acadêmico, crenças e autoeficácia em pesquisa de enfermeiros clínicos: implicações para o Programa de Pesquisa de Enfermagem de um Hospital na Jornada Magnet®

Eliseth Ribeiro Leão, Olga Guilhermina Farah, Elisa Aparecida Alves Reis, Claudia Garcia de Barros, Cristina Satoko Mizoi

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400018

Objetivo:Descrever o perfil acadêmico, a experiência em pesquisa, as crenças e a autoeficácia em pesquisa dos enfermeiros clínicos de um hospital em Jornada Magnet®.MÉTODOS:Estudo descritivo, tipo survey, para avaliar perfil acadêmico, experiência em pesquisa, crenças e habilidades de pesquisa dos enfermeiros clínicos. A análise foi dividida em características demográficas; perfil acadêmico/científico (titulação acadêmica, participação em grupos de pesquisa, envolvimento em publicações, atividades de ensino, conferências científicas e apresentação de posteres); crenças relacionadas à Pesquisa em Enfermagem (habilidades, benefícios para a […]

Gastos relacionados a hospitalizações de idosos no Brasil: perspectivas de uma década

Rodrigo Eurípedes da Silveira, Álvaro da Silva Santos, Mariana Campos de Sousa, Taciana Silva Alves Monteiro

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400019

Objetivo:Descrever o perfil de morbidades e os gastos relacionados a internações de idosos comparados aos da população de adultos (20 a 59 anos).MÉTODOS:Trata-se de uma pesquisa descritiva, transversal, sobre as internações hospitalares de idosos (com 60 anos ou mais de idade) no Brasil no período de 2002 a 2011, com dados do DATASUS e com base na CID-10.RESULTADOS:Embora o maior número de internações esteja na faixa etária adulta, a proporção de gastos foi maior com os idosos e, neste caso, […]

Meningite por Haemophilus influenzae tipo f

Marta Pessoa Cardoso, Jacyr Pasternak, Alfredo Elias Giglio, Rejane Rimazza Dalberto Casagrande, Eduardo Juan Troster

DOI: 10.1590/S1679-45082013000400020

Com o declínio da taxa de infecções causadas pelo Haemophilus influenzae tipo b após a ampla introdução da vacina, sorotipos não-b devem ser considerados agentes patogênicos potenciais em crianças menores de 5 anos com doença invasiva. Relatamos um caso de meningite por Haemophilus influenzae tipo f em um lactente imunocompetente de 1 ano. O agente foi identificado em líquido cefalorraquidiano e hemocultura. A sorotipagem foi realizada por testes com soros policlonais e confirmada por reação em cadeia de polimerase. Todas […]

1 2 3