13 results

O perfil epidemiológico do Centro de Terapia Intensiva Pediátrico do Hospital Israelita Albert Einstein

Camila Sanches Lanetzki, Carlos Augusto Cardim de Oliveira, Lital Moro Bass, Sulim Abramovici, Eduardo Juan Troster

DOI: 10.1590/S1679-45082012000100005

Objetivo:Traçar o perfil epidemiológico de pacientes admitidos no Centro de Terapia Intensiva Pediátrico do Hospital Israelita Albert Einstein no período de 1 ano.MÉTODOS:Os dados foram coletados retrospectivamente de todos pacientes admitidos no Centro de Terapia Intensiva Pediátrico durante o ano de 2009. A extração dos dados contidos nos 433 prontuários revisados foi realizada do sistema DATAMARTS e analisada com o programa estatístico STATA, versão 11.RESULTADOS:Não houve diferença significativa para gênero, e a faixa etária predominante foi de 1 a 4 […]

Avaliação da qualidade intra-hospitalar de pacientes impossibilitados de falar que usam comunicação alternativa e ampliada

Fabrício Marinho Bandeira, Flávia Perassa de Faria, Everaldo Batista de Araujo

DOI: 10.1590/s1679-45082011ao2083

RESUMOObjetivo:Implementar o uso de pranchas de comunicação alternativa em pacientes hospitalizados e impossibilitados de se comunicarem pela fala.Métodos:Estudo descritivo com amostra de 30 pacientes hospitalizados e impossibilitados de se comunicarem pela fala. Foram confeccionadas pranchas por intermédio do software Boardmaker® que consiste em um banco de dados gráfico contendo Símbolos de Comunicação Pictórica (Picture Symbols Communication). Para avaliar a qualidade de vida desses pacientes, foi aplicado, antes e após o estudo, o questionário SF-36, versão em português do Medical Outcomes […]

Pró-calcitonina em pacientes com infecção por influenza A (H1N1) e insuficiência respiratória aguda

Péricles Almeida Delfino Duarte, Carla Sakuma de Oliveira Bredt, Gerson Luís Bredt Jr, Amaury César Jorge, Alisson Venazzi, Leônidas Gustavo Tondo, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082011AO1878

RESUMO Objetivo: Verificar os níveis de pró-calcitonina sérica em pacientes com insuficiência respiratória aguda secundária à influenza A (H1N1) admitidos à Unidade de Terapia Intensiva, e comparar esses resultados com valores encontrados em pacientes com sepse e trauma admitidos na mesma unidade. Métodos: Análise de prontuários de pacientes infectados com influenza A (H1N1) e insuficiência respiratória aguda admitidos na Unidade de Terapia Intensiva Geral em um período de 60 dias. Os valores de pró-calcitonina sérica e os dados clínicos e […]

1 2