Todos as publicações de “Paulo Manuel Pêgo-Fernandes”

3 results

Avaliação e recondicionamento de pulmões doados para transplante por meio da perfusão pulmonar ex vivo

Luis Gustavo Abdalla ORCID logo , Karina Andrighetti de Oliveira-Braga ORCID logo , Lucas Matos Fernandes ORCID logo , Marcos Naoyuki Samano ORCID logo , Paula Refinetti Camerini ORCID logo , Paulo Manuel Pêgo-Fernandes ORCID logo

DOI: 10.31744/einstein_journal/2019AO4288

RESUMO Objetivo: Avaliar a exequibilidade e o impacto da perfusão pulmonar ex vivo com solução hiperoncótica (Steen Solution™) na taxa de utilização desses órgãos no Brasil. Métodos: Neste estudo prospectivo, submetemos cinco pulmões considerados de alto risco para o transplante a 4 horas de perfusão pulmonar ex vivo, com avaliação da capacidade de oxigenação pulmonar. Os pulmões de doadores de alto risco foram definidos por critérios específicos, incluindo infiltrado inflamatório, edema pulmonar e pressão parcial de oxigênio arterial inferior a […]

Transplante pulmonar

José Eduardo Afonso Júnior, Eduardo de Campos Werebe, Rafael Medeiros Carraro, Ricardo Henrique de Oliveira Braga Teixeira, Lucas Matos Fernandes, Luis Gustavo Abdalla, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082015RW3156

RESUMOO transplante pulmonar é um tratamento mundialmente aceito para alguma pneumopatias avançadas, conferindo aos receptores maior sobrevida e melhor qualidade de vida. Desde o primeiro transplante realizado com sucesso em 1983, mais de 40 mil transplantes foram feitos em todo mundo. Destes, cerca de 700 foram no Brasil. No entanto, a sobrevida do transplante é menor do que a desejada, com altos índices de mortalidade relacionados à disfunção primária do enxerto, infecções e disfunção crônica do enxerto, principalmente sob a […]

Comparação entre BNP e NT-proBNP quanto à concordância e quanto à influência das variáveis clínicas e laboratoriais

Milena Novaes Cardoso Curiati, Odilson Marcos Silvestre, Lucas José Tachotti Pires, Sandrigo Mangini, Philippe Vieira Pires, Fabio Antonio Gaiotto, [...]

DOI: 10.1590/S1679-45082013000300003

Objetivo:Correlacionar os níveis séricos do peptídeo natriurético tipo B e da fração N-terminal do pró-peptídeo natriurético tipo B, além de analisar a influência de idade, obesidade, insuficiência renal, fração da ejeção do ventrículo esquerdo, disfunção diastólica e anemia nos níveis séricos de ambos os marcadores.MÉTODOS:Estudo observacional, no qual se comparou a concordância entre esses marcadores em amostras consecutivas de 138 pacientes. Para a correlação, utilizou-se o teste de Pearson e foi considerado estatisticamente significante p